Como ir Morar nos EUA e Não se Arrepender?

Booking.com

Leia esse post até o final e descubra como ir morar nos EUA de forma consciente para não se arrepender e voltar ao Brasil falando “abobrinhas”.  😆

Acho que os Estados Unidos é uma das primeiras opções de moradia para aquelas pessoas que sonham em morar fora do Brasil em busca de uma vida mais digna e segura.

Mudar de uma cidade para outra não é uma missão fácil, quem dirá mudar de país.

É preciso estudo e planejamento, principalmente quando você não está mudando sozinho.

Tive a oportunidade de vivenciar algumas situações e conhecer casos de pessoas que desiludidas voltaram para o Brasil.

Foi daí que nasceu minha vontade de escrever sobre o assunto.

Como ir morar nos EUA e não se arrepender?

Passo 1: Escolha o visto

A primeira e também mais importante coisa a decidir é com qual visto irá entrar no país.

Esse é um assunto delicado e você precisará estudar bastante sobre ele para tomar a melhor decisão para você e sua família.

Muitas pessoas simplesmente entram no país como turista e ficam fora de status. Para quem me pergunta, sempre recomendo que esgote todas as opções possíveis antes de tomar essa decisão.

Passo 2: Escolha o Estado

Como ir morar nos EUA - estados dos eua

A próxima decisão importante é escolher o Estado que deseja morar.

Alguns estados são bem “restritos” à americanos e alguns chegam a “perseguir” imigrantes. Por outro lado, tem outros que são bem sociáveis. A Califórnia por exemplo, é bem receptiva e inclusive autoriza imigrantes à ter carteira de motorista.

Quanto mais sociável, melhor para você e sua família.

Passo 3: Escolha a cidade

Os Estados Unidos é um país imenso com um clima bem variado.

Algumas cidades nevam em determinada época do ano e outras chegam a fazer um calor quase que insuportável.

Tem aquelas que tem furacão e aquelas que tem terremoto.  😕 Penso que isso também deve ser levado em consideração. rsss

Passo 4: Escolha o bairro

Se uma das coisas que te motivam a abandonar o Brasil é a segurança, preste muita atenção nesse passo.

Assim como vemos nos filmes, existem bairros nos EUA que sofrem grande influência de gangs e podem ser bem perigosos.

Pode parecer exagero, mas confia em mim, não é. Escolha com cautela o bairro.

Para garantir, antes de fechar o aluguel, hospede-se em um hotel no bairro escolhido ou tente negociar um contrato de aluguel menor. Assim você conhecerá a realidade do lugar antes de se comprometer.

Passo 5: Prepare-se

Como ir morar nos EUA - prepare-se

Creio que ninguém chega aqui preparado o suficiente. Nem mesmo aquelas pessoas que estudaram absolutamente tudo sobre como ir morar nos EUA.

Muitas vezes o desgosto com o Brasil e o êxtase em recomeçar nos EUA são fortes demais para entendermos a realidade.

Somente algum tempo depois que a “ficha vai caindo” e então percebemos que certas coisas não são exatamente como imaginávamos.

Fazer a mudança de forma consciente e entender ao menos quais são os principais desafios à serem enfrentados pode ser o divisor de águas entre se realizar nos Estados Unidos ou se arrepender de ter abandonado o Brasil.

1 – Prepare-se fisicamente

Talvez a maioria das pessoas não considera as questões de saúde antes de abandonar o país, mas recomendo que não faça parte da maioria.

Tratamentos médicos por aqui são caros, além do mais você precisará trabalhar não é mesmo? Então é melhor estar com a saúde em dia.

Faça um check-up antes da mudança e caso necessário, faça o devido tratamento.

ESTÁ GOSTANDO DO POST?! ENTÃO DEIXE SEU NOME E EMAIL PARA RECEBER AS NOVIDADES DO BLOG!

2 – Prepare-se financeiramente

morar nos eua

Se você tem alguém para ampará-lo nos primeiros meses dentro dos EUA, pode ser que seja um pouco mais tranquilo a questão financeira.

Mas, se você está buscando informações sobre como ir morar nos EUA, pretende levar a família e não tem ninguém para ampará-lo, considere esse passo como um dos mais importantes.

Ponha todas as despensas no papel e tente trazer com você o máximo de dinheiro que puder.

3 – Prepare-se psicologicamente

Muitos de nós chegam aqui falando a mesma coisa “topo qualquer trabalho” ou “se tiver que lavar privada eu lavo”, mas na hora H ou não aguentam o tanto que precisam trabalhar ou se sentem humilhados em ter que realizar tais atividades.

Se você não está saindo do Brasil com um visto que te permita trabalhar terá três opções quando chegar aqui, abrir seu próprio negócio e contratar funcionários, trabalhar em sub-empregos ou comprar documentos falsos.

Chegar abrindo o próprio negócio é um pouco complicado pois não estará familiarizado com a legislação do país.

Comprar documentos falsos é crime. Porém, o que mais se ouve por aqui é “ah… todo mundo faz documento falso” ou “se não fizer não consegue trabalho”.

Se pensar em cair nessa, lembre daquilo que sua mãe dizia: “VOCÊ NÃO É TODO MUNDO”

Como ir morar nos EUA - como morar nos eua legalmente

O que sempre falo é: enquanto você mora fora de status ou mesmo trabalha com um visto que não autoriza, o máximo que pode acontecer contigo é ser deportado… e isso, na pior das hipóteses.

Uma vez que usa documentos falsos, você se torna criminoso. Se for pego, poderá ser preso e certamente não sairá tão fácil como acontece no Brasil.

A alternativa que sobra é trabalhar no sub-emprego, pelo menos no início.

Então coloque as barbas de molho e quem sabe jogue o orgulho no lixo. Prepare-se para começar sua vida profissional literalmente do zero. Precisamos aprender muito antes de subir para o próximo nível.

Sinto lhe dizer mas a não ser que esteja com o visto de trabalho, ter diploma ou experiência não fará muita diferença no começo.

Passo 6: Faça contatos e bons amigos

Uma vez nos EUA, procure fazer o máximo de contatos que puder. Ter contatos ajudará em muitas coisas no dia-a-dia.

Pensa, você acaba de chegar em um lugar totalmente estranho. Precisa fazer um monte de coisa e nem sabe por onde começar.  🙄

Pessoas que já estão aqui, nem que seja um pouco mais de tempo, poderão te orientar muito e você economizará tempo, dinheiro e energia.

Quanto a fazer BONS amigos, também é muito importante pois te ajudará a vencer a dificuldade de estar distante da família.

Pessoas que são muito apegadas à família tendem à sofrer bastante no início.

Como ir morar nos EUA e não se arrepender? Resumindo…

Tentei colocar nesse post os principais pontos de como ir morar nos EUA.

Acredito que a forma mais fácil de não se arrepender é a preparação.

Existem muitos brasileiros que moram nos Estados Unidos que só contam as coisas boas que tem aqui. Se você ouvir apenas essas pessoas, não irá se preparar para a parte difícil e provavelmente não aguentará.

Sim, morar nos EUA é incrível, principalmente considerando a situação atual do nosso Brasil 😥 . Mas ao tomar sua decisão de mudar, faça isso com os pés nos chão e não se arrependerá!

|
v

Se este post colaborou na sua busca implacável de como ir morar nos EUA, por favor, deixe um comentário aí embaixo e não se esqueça de curtir minha página no Facebook, clicando aqui!

Esse post pode ser útil para mais alguém, seja legal e compartilhe!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

16 comments

  1. Parabéns pela iniciativa e pela forma como organizou as orientações. De forma simples, evitando o romantismo, deixando claro a necessidade de um planejamento prévio.

  2. Gostei do artigo, eu moro nos Estados Unidos. É tudo verdade eu sou casada com americano, sou legal no pais . Mais voce esta falando a verdade. Eu Vivo numa cidade maravilhosa no estado del Connecticut. Mais eu trabalho e muinto pro poder pagar tudo .
    Mais suo muinto feliz.

  3. Dear, Mariana Silveira!
    Meus parabéns pelo excelente trabalho!
    Parei hoje para devorar teu blog, eu e minha esposa estamos nos preparando o máximo que conseguimos para desbravar a América e sem dúvidas teu blog está nos ajudando DEMAIS.
    Pedimos encarecidamente, que não pare teu trabalho.
    Tenho certeza que não só como nós, mas muitos você tem ajudado!
    Mais uma vez, meus parabéns e MUITO OBRIGADO!

  4. Estou adorando seus posts, Mariana. Tenho amigos em Miami e Boston, mas nenhuma das duas cidades me soam bacanas para viver. Boston por ser extremamente caro e Miami não me agrada (não me senti confortável das 3 vezes que fui). Onde você mora nos EUA? De repente seria bacana falar um pouco sobre alguns estados e as vantagens ou desvantagens para o imigrante.

    1. Oi Felipe, eu moro em Los Angeles, Califórnia. Aqui os preços também são meio salgados mas em compensação o salário também é um pouco mais alto. A Califórnia de certa forma “abraça” o imigrante, o que torna a vida aqui mais tranquila do que em outros estados. Gostei da ideia, quem sabem em breve não sai um post sobre o assunto.

  5. Estou amando sua forma de colocar a realidade e não nos enrola com fantasias baratas. Estou lendo tudoooo, já que em breve irei me aventurar por essas terras! Gostei da parte que fala que quem é humilde se da bem e não é para quem está querendo mamata… e estou me preparando para isso. Meu visto é de Estudante e pretendo através dos estudos poder me posicionar no País sempre de forma legal e justa. Sei das dificuldades como já disse… saudade da família e não pode ficar doente! É certo que da muitooo medo de abandonar tudo e se aventurar em algo tão incerto, mas acredito muito mais em realizações de sonhos, trabalho duro e fé em Deus… É melhor se arriscar e viver intensamente do que viver uma vida medíocre esperando sentado a vida mudar e os sonhos baterem na sua porta e dizer… porque me abandonou? E se vê no maior arrependimento da vida!. Que Deus abençoe cada pessoinha que como eu irá larga tudo e todos para realização de um sonho. O meu é me formar nos EUA e exercer minha profissão com dignidade no País sabendo que o caminho terá muitos espinhos, mas a recompensa valerá a pena! Abraços!

    1. Apoio 100% o que você disse! Tenho certeza que irá longe nesse pensamento.

      Dificilmente um sonho será fácil de ser realizado, mas quando estamos dispostos a fazer o que precisa ser feito, estamos no caminho certo da realização.

      Boa sorte!!!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *